Pura inspiração: projeto híbrido em São Paulo reúne diferentes usos com vista para o jardim

A obra reúne escritório, estúdio, sala de ensaio e casa no mesmo espaço

Texto: Silvia Gomez | Reportagem Visual: Deborah Apsan

Conexão: A passarela vence o vão de 7,20 m de comprimento, sustentada pela estrutura metálica com piso de concreto pré-moldado. Com sauna, estúdio e sala de ensaio, o volume ao fundo substituiu o sobrado demolido | <i>Crédito: Foto: Cacá Bratke
Conexão: A passarela vence o vão de 7,20 m de comprimento, sustentada pela estrutura metálica com piso de concreto pré-moldado. Com sauna, estúdio e sala de ensaio, o volume ao fundo substituiu o sobrado demolido | Crédito: Foto: Cacá Bratke
Não foi possível aproveitar nada do imóvel vizinho, comprado com o intuito de ampliar a residência e abrir espaço para o lazer e para a profissão dos moradores – ela atriz, ele jornalista. “Derrubamos a construção e erguemos uma nova, de 147 m², com sauna, banheiros, sala de ensaio e estúdio de som. A edícula da morada original, com 87 m², também foi reformada a fim de abrigar o escritório dele no andar de cima, onde chega- -se pela passarela com estrutura metálica”, conta o arquiteto e autor, André Vainer. O piso de baixo desse anexo acomodou área de serviço e lavanderia. Entre os volumes coloridos de vermelho, a presença leniente do paisagismo se faz essencial, tornando a rotina mais agradável. “O projeto basicamente organizou a vida dos proprietários, que puderam desocupar um dos quartos da casa, antes destinado a parte dessas atividades.”


Edícula renovada: Aqui fica o escritório do proprietário. No térreo, lavanderia e depósitos dividem o espaço voltado para o jardim, com paisagismo assinado por Helena Justo. O tom de vinho (Coral, ref. Sequoia Antiga) tinge não apenas as fachadas como também os guarda-corpos de aço

20/03/2017 - 17:00

Conecte-se

Revista Arquitetura e Construção
  • Revista A&C
Coleção CARAS